Puerilia

Não dá no mesmo, criança, ver e viver Num o nada noutro ao menos esperança [T 630]